quinta-feira, 1 de abril de 2010

Estou esperando a nave-mãe

Quem aqui nunca assistiu Altas Horas? Nunca assisti ao programa inteiro, mas já vi de quando em vez... Um programa de platéia, com convidados especiais, entrevistas, bandas, interações. Tudo isso caracteriza um programa de platéia. Mas será que aquilo tudo que acontece, é ao acaso? A cumplicidade entre as pessoas no programa é tão grande que tudo flui naturalmente como percebemos? Não, não é assim.

Um dia desses participei de um programa de platéia, e pude perceber tudo que acontece quando você, telespectador, não acompanha durante os intervalos. O que primeiro me chamou a atenção, é a vontade que as pessoas na platéia têm de aparecer na televisão. Vários indivíduos, que não recebem nada por estar ali, dançando, pulando, aplaudindo (às vezes coisas que nem gostaram), tudo para ficar bonitinho na hora de passar na TV. É muito comum também quem está na platéia fazer perguntas aos convidados. Pois é, a verdade é que ninguém ali tem dúvida nenhuma, pois a produção escreve perguntas, e pede pra alguém da platéia ler. De perto, ao vivo, parece muito mais artificial do que você imagina...

Outra coisa interessante é a entrevista. O apresentador bate um papo antes de entrevistar o convidado, traçando o rumo da conversa, as perguntas e as respostas, afinal, ninguém quer ouvir nada fora do normal em um programa de TV, certo? Mesma coisa com a banda, e os mágicos, e os blocos de humor, e a interação platéia-convidados. Essa alteração da realidade me fez perceber em como somos ludibriados todos os dias, e como a televisão se tornou um teatro digital.

Procuramos através dos botões do controle remoto uma forma de fugirmos da nossa realidade, mas a modificação do que é real ou não nos programas de TV é tão grande, que acaba sendo prejudicial, nos fazendo acreditar no que não é verdade. São jornais e reality shows confundindo nossas cabeças, alterando nossa percepção. Muitas vezes, as pessoas mais ingênuas são as mais felizes.

Quem procura realidade na TV, não vai encontrar. O leque de opções para crença é tão grande, que você acaba tendo que criar o seu próprio mundo. As opiniões nunca foram tão fortes e tão divergentes sobre o mesmo assunto. Aquilo que acreditamos está diretamente ligado com o nosso bem-estar. Se você acha que vamos morrer em 2012 e se sente bem com isso, ótimo. Se você acha que Deus preza por vocês e por todas as pessoas que você gosta, maravilha. Se você acha que alienígenas com duas cabeças sem escrúpulos estão nos vigiando e prontos para atacar, procure um psiquiatra.

Não deixe os outros lhe dizerem no que acreditar. Pense, reflita e crie uma linha de raciocínio. A única coisa que não podem lhe tirar e a sua sanidade, pois é dela que todas as outras coisas se originam!

5 comentários:

  1. Olá meu caro, gostei de seu blog. vou segui-lo.
    Eu sou jornalista e sei mais do que ninguem do que voce está falando. Mas vale a pena lembrar que existem muitas excessão em relação a seu texto. Mesmo assim, tenho que concordar com você que hipocrizia existe mesmo na TV assim como em toda a sociedade. Grande Abraço, parabens pelo texto.
    att
    Windson Prado
    Joinville SC

    ResponderExcluir
  2. Imagino que exceções existam sim. Porém, quis mostrar o que a maioria não sabe, e tirar um pouco da ilusão e da "mágica" dessa grande mentirosa que é a televisão.
    Devemos nos entreter? Sim, mas ciente do que nos é passado.

    ResponderExcluir
  3. A TV é teatro há muitos anos. A mídia de entretenimento é teatro. a própria realidade é um teatro, se for refletir em cima do teu post anterior. Até o diabo da internet é teatro, mais do que as opções anteriores. Somos todos atores ou avatares divididos entre as mais diversas imagens que criamos de nós mesmos e que mostramos aos outros.

    Logo, sobram duas opções. Seja tudo oq quer e incomode um monte de gnt ou aceite seus múltiplos papéis e abdique de si.

    A realidade é o que nos PERMITIMOS enxergar, mas nunca como realmente gostaríamos que fosse. Ou nas palavras de Fernando Pessoa: "A realidade é sempre MAIS ou MENOS do que nós queremos."

    ResponderExcluir
  4. gostei da sua percepção em relação a alguns assuntos. vc segue uma linha critica bem legal ;)
    GOSTEI! =]

    ResponderExcluir
  5. Acredito que deve ser acontecer muita coisa esses bastidores. Mas é assim que funciona! Nem tudo é o que parece. A influência que a TV tem sobre a vida das pessoas é enorme, cabe a cada um separar e saber no que acreditar. Parabéns pelo texto!

    ResponderExcluir

ANTES DE POSTAR, LEIA ESSA MENSAGEM!!! É SERIO!!!

TODOS os comentários passam por moderação minha antes de irem ao ar, devido a pessoas que só fazem propaganda ou que xingam utilizando palavras agressivas demais. Não deleto comentários que contenham críticas, sejam boas ou ruins, afinal, todos tem direito de expressar sua opinião.

Bom, como eu ainda uso o Blogspot, as vezes o comentário só vai de segunda. Portanto, escreva sua mensagem, selecione-a e copie. Caso não receba uma mensagem dizendo que o comentário foi postado (mas ainda estará sob moderação), só cole de novo, que de segunda vai!

Esse é o Blogspot ferrando vocês!