terça-feira, 22 de junho de 2010

Eu? Vou pra festa pra dançar!


Um dia desses estava eu conversando com uma amiga sobre relacionamentos. Falando sobre comportamentos em festas, em encontros, com amigos, com “ficas”, e ela me disse uma coisa que me deixou bastante intrigado: “Vini, eu acho que estou virando galinha! Eu já cheguei em 2 homens nas últimas festas que eu fui! Mulher nenhuma faz isso, é papel do homem chegar!”. Foi então que bateu a grande dúvida...

É de tarde, chegando a noite. A mulher começa a se arrumar pra ir à festa, afinal, ela não quer pagar, e a lista de graça só vai até 11 horas da noite. Toma banho, lava o cabelo, seca o cabelo, passa creme, pó, maquilagem, escolhe roupa, troca a roupa, troca a roupa de novo, troca a roupa mais uma vez, volta pra primeira roupa, escolhe sapato, muda de sapato, muda de novo de sapato, começa a procurar um sapato que não existe, volta pro primeiro sapato, passa perfume, passa loções, passa creme no cabelo, lápis no olho, encurva os cílios, escolhe brincos, muda os brincos, perde os brincos, escolhe cordão, escolhe anel, escolhe pulseira, escolhe bolsa, muda as coisas de uma bolsa para outra, esquece alguma coisa, fica com raiva, decide não ir mais, acaba indo e chega à festa.

Como você pôde ver, mulher se arrumar para ir à festa é uma saga tão longa e complicada que causa inveja aos produtores de Lost. Tudo isso é necessário para a mulher se sentir bem e confortável para dançar, se mostrar, e, quem sabe, pegar um cara bonito na festa. O problema surge aí: a mulher não vai pegar o cara bonito na festa, ele que tem que pegar a mulher produzida. E isso é injusto.

Os homens, para terem alguma chance de sair acompanhado de um lugar, precisam se tornar mestres na arte de adivinhar e planejar, deixando de lado toda a lógica da situação, e partir da premissa que a mulher está ali pela mesma razão que nós: conseguir um companheiro do sexo oposto (RONALDO). O problema é que adivinhação não é uma característica dos seres humanos de gênero masculino, portanto isso está fora de questão.

Não, não estou dizendo que a mulher que tem que chegar no cara toda vez, meu ponto aqui é: se a mulher quer, por que ela não vai atrás também? A moça está lá no balcão do bar, toda deslumbrante, com um Martini na mão e (na cabeça dela) esperando algum cara chegar. É simplesmente OBRIGAÇÃO do guerreiro, sem que ela dê um sinal, um sorriso, um olhar mais profundo, deixar de lado todo seu orgulho, e arriscar falar com ela.

E QUANDO isso acontece, ela pode querer ou não. E QUANDO ela quer, ela pode fazer cú doce ou não (confiram meu texto sobre cu doce clicando aqui). E QUANDO ela resolve não fazer cú doce, ela pode dar o número dela ou não. E QUANDO ela dá o número dela (se não for da mesma operadora do seu, você já fala “fudeu”), você conseguiu uma OPORTUNIDADE de TENTAR alguma coisa. Os 12 trabalhos de Hércules não parecem tão trabalhosos agora, não é?


Mulheres falam tanto de direitos iguais, lutam tanto por esses ideais, que esquecem o quanto essa igualdade abrange. Mulheres querem igualdade apenas em certos pontos, pois quando chega na hora de investir no cara, não pode porque é obrigação do homem; rachar a conta, não pode porque é obrigação do homem; dirigir, não pode porque... Tá bom, deixa dirigir com o homem mesmo, já basta a quantidade atual de acidentes no trânsito.

Quando falo isso pra minha amiga, ela chega e diz: “mas isso não é normal, sempre foi o homem que chegou, e sempre será”. Opa, não diga que não é normal. Normalidade é uma coisa, ação comum é outra. Não é COMUM de se ver porque vocês não tornam isso comum. Enquanto vocês não mudarem isso, continuará sendo um ato raro de acontecer, e essa idéia continuará forte na cabeça de várias pessoas.

O que quero dizer é: parem com a hipocrisia de vocês. Mulher também quer ficar, mulher também quer sexo, mulher também vai pra festa pra pegar. Por que diabos vocês não deixam esse machismo (isso mesmo, é machismo de vocês) de lado e sorriem, piscam, chamam? Ninguém vai achar que vocês são putas por causa disso. Podem rotular a vontade qualquer comportamento, mas não pensem que todos os homens pregam esse conceito que vocês mesmas não deixam morrer.

Update: Como sempre tem (e sempre terá), estou aqui para dizer as mulheres que acham que estou generalizando que eu não estou generalizando. Estou apenas falando das mulheres que se encaixam no perfil do texto. Obs: Parece que todas as mulheres que leram e comentaram aqui no blog ou comigo não se encaixam no perfil do texto. Que diabos de outra dimensão é essa?

37 comentários:

  1. "Como você pôde ver, mulher se arrumar para ir à festa é uma saga tão longa e complicada que causa inveja aos produtores de Lost." hahaha, super me causou risos esse trecho.

    ResponderExcluir
  2. Amei o texto, concordo em gênero, número e grau, mas... Não posso deixar de dizer que "o acento não vai no cu, o cu é que vai no assento".

    ResponderExcluir
  3. é... tirando a parte que o homem deve dirigir, concordo com o que falaste. esse negócio de que não deve rachar a conta, o homem tem que investir é passado. fato. mas tem homens que não veem como você. se a mulher chegar dando mole, NO MÍNIMO, é muito fácil. aí complica, né? enfim... bom texto, como sempre :D

    ResponderExcluir
  4. Não vamos generalizar... eu chego em todos os homens que eu quero. O difícil mesmo é eu QUERER algum cara de balada... a maioria deles são feios, bregas ou gays. Aì não dá.

    ResponderExcluir
  5. No que posso dizer que apesar de todo o doce que faço, quando quero eu chego mesmo.. e isso acaba fazendo que pensem mal ao meu respeito, infelizmente algumas pessoas que tem esses "conceitos" que apenas o homem deve chegar quando vê uma mulher fazendo esse papel é porque 'ela não tem valor, porque é puta' essas coisas... Pelo menos eu, não ligo (muito), a vida é minha.. só acho que muita coisa poderia deixar e muita coisa mais poderia acontecer se as mulheres além de assumir ir em busca dos seus desejos e vontades, e se algum homem chamar de puta, sinta pena dele.. porque ele é imaturo demais e não merece o seu respeito.

    como sempre um bom texto vini. adorei.

    ResponderExcluir
  6. As que acham que eu to generalizando: Tem que ver que a maioria dos meus textos sao relacionados a um tipo de coisa. Então não perco mais meu tempo dizendo o texto inteiro, como antes, que não estou generalizando, porque se toda regra tem sua exceção, generalizar nem deveria existir. Claro que existem mulheres que chegam, como eu citei no inicio do texto, mas o texto é para aquelas que tem pensamento fechado e preferem ficar na sua, esperando o cavalheiro adivinhar suas reais intenções com ele.

    ResponderExcluir
  7. Preciso concordar que precisa ter as mulheres precisam ter atitudes também, porque assim como há mulheres tímidas, há homens tímidos também.

    ResponderExcluir
  8. e rapa foi-se o tempo jah, as mulheres tao caindo matando, relaxa o cabeçao que é onda na certa! abraço

    ResponderExcluir
  9. Ao comentário acima: Só se for em ti :)

    ResponderExcluir
  10. Nossa! Vc fez parecer bem mais complicado.
    Não sei se é inocência minha ou falta de inocência (hehe) mas axo completamente normal a pessoa que está afim chegar primeiro, sendo ela homem ou mulher. Isso varia tambem do perfil psicológico de cada um. Existem mulheres mais tímidas e retraídas, consequencia desse histórico da sociedade, ou simplesmente característica da personalidade mesmo.
    E sim, sou a favor de direitos iguais mas não de FUNÇÕES iguais. Mulheres e homens são diferentes e não podem querer exercer uma mesma função perante a sociedade. Paro por aqui pra não me exaltar. haha
    bjão, ótimo texto. parabens!

    ResponderExcluir
  11. perfil psicológico, hehehe deve ser estudante de psicologia querendo usar os conceitos q aprende!!!!

    ResponderExcluir
  12. Ao comentário acima: eu curso Comércio Exterior, não tem nada a ver. "Dar uma de esperto FAIL"

    ResponderExcluir
  13. está matéria foi vista e compartilhada por um usuário no odd10, o que nos fez conhecer seu blog. Muito bom, criativo e inteligente, parabéns, por isso convidamos você a fazer parte desta nova rede social que é o odd10. Participe, compartilhe, crie grupos, divulgue seu conteúdo, esperamos você, obrigado e até mais. (as matérias recém postadas vão para odds em votação)

    ResponderExcluir
  14. olha, nao sei se vc viu esse video, mas se viu eh muita cópia descarada, porem escrita http://www.youtube.com/watch?v=ssSeo_OUPmk

    ResponderExcluir
  15. Ao comentario acima: Desculpe decepcioná-lo, mas não, nunca vi esse vídeo. Acompanhava o trabalho do Felipe Neto quando ninguém conhecia ele ainda, do blog Controle Remoto. Quando ele começou a fazer vídeos, vi uns 2, e enjoei. Quando eu posto alguma coisa de outro lugar, eu sempre ponho fonte, pode ver em alguns textos. Foi apenas coincidência.

    ResponderExcluir
  16. Cara, mais é sim papel do homem chegar nas mulheres, e elas não se sentem bem fazendo o oposto, como você viu, então elas mandam sinais de interesse para que os caras tentem algum tipo de aproximação!

    ResponderExcluir
  17. hahahahahhaa
    mto bom o texto, vinicius!
    Geeeente, ser lésbica é tudibom! Pelo menos dessa preocupação alheia (óh meu dels, o que ele vai pensar de mim) eu nao sofro!
    Mas a saga pra sair de casa é essa mesmo, senao pior, qndo vc pensa NA roupa, aquela linda, maravilhosa e ela simplismente nao cai bem em vc naquele dia!!! super broxa isso...
    E eu vejo algumas amigas ht minhas que sofrem horrores por causa disso, ficam com medo de chegar, pq elas tbm n tem certeza se o cara vai querer (gay detected... rs)
    Abraços

    ResponderExcluir
  18. Parabéns pelo seu texto... Em algumas passagens ele ne fez dar risadas, e pensar: é bem assim mesmo que as coisas acontecem!rsrs

    Apesar de eu ser bem retraída para agir da forma mencionada no texto. Acho que realmente esse preconceito deveria acabar.

    ResponderExcluir
  19. Hehehehe!
    Que bom que gostaram :)
    Esse machismo das mulheres é ralado hauehauehue

    ResponderExcluir
  20. As mulheres são de venus, os homens são de marte...

    Fica a dica.

    ResponderExcluir
  21. Já ouvi mulheres falarem que pra elas a balada não tem graça se não pegar ninguém... já os homens se divertem muito bebendo e batendo um bom papo com os amigos, mesmo se não rolar nada...
    Então até onde vejo as mulheres se preocupam mais em "pegar alguém" do que os homens..
    Agora, mulheres querem direitos iguais, porém deveres iguais nenhuma quer..

    ResponderExcluir
  22. Tem mais é que chegar mesmo.

    ResponderExcluir
  23. É exatamente p isso q quando eu acho que vale a pena investir num cara, eu chego. Se ficar se fazendo demais, acaba perdendo a oportunidade para outa mais esperta

    ;)

    ResponderExcluir
  24. Ah se o carinha for bem interessante e eu sentir que ele também ficou afim chego mesmo, como já cheguei diversas vezes e me dei bem..Hehe

    ResponderExcluir
  25. Acho hipocrisia querer os mesmos direitos e deveres dos homens, somos diferentes, pensamos e agimos diferente e nunca seremos iguais...
    Muito legal seu texto, é um assunto polêmico e divertido.

    ResponderExcluir
  26. Agradeço aos elogios e me divirto com comentários como o do Kelton ai em cima... rsrssrrs

    ResponderExcluir
  27. hoje em dia muitas mulheres tem comportamentos estranhos.

    Abs,
    Mauricio
    www.horadoleilao.com.br

    ResponderExcluir
  28. Ri muito do texto e concordo em partes com ele, não sei se tem a ver com texto em questão, mas será que ainda existe isso mesmo ? Digo isso pois em geral ( Nâo estou generalizando viu meninas ), hoje as meninas estão bem mais "saidinhas" do que antes...

    [ ]s

    ResponderExcluir
  29. oi. adorei o texto
    admito q sou machista sim. ñ chego em ninguém na balada, mas por outro motivo. se a mulher chega em algumas vezes é taxada de oferecida e dispensada. ñ tem a menor graça isso. fora q falta uma coragem básica pra chegar no cara

    ResponderExcluir
  30. Palmas, palmas, paaaaaaaaaaaaalmas pra vc. Principalmente na parte em que diz que elas exigem direitos iguais quando lhes é conveniente.

    ResponderExcluir
  31. Parabéns pelo texto, cara!
    Falou tudo. Espero que mais gente escreva mostrando esse ponto de vista. Quem sabe assim, as coisas começam a mudar.

    ResponderExcluir
  32. Papo de quem não chega em mulher nenhuma. hahaha Mas tá engraçado.

    ResponderExcluir
  33. Concordo plenamente com o texto e dou meus parabéns. Nós homens somos criticados e exigidos constantemente nesses aspectos, embora toda mulher tenha a mesma vontade e libído da gente. Essa frescura de jogar a responsabilidade pra gente chega a ser maluquice, já que se ambos estão afim porque só nós temos a obrigação da conquista? Na questão das "contas" já sai com mulheres que não pensavam assim, mas acontece bastante.

    ResponderExcluir
  34. O imenso cu da questão é que, arriscar um ato novo (chegar num cara) é arriscado porque nunca saberíamos se ele é um machista uó - que vai nos julgar por dar em cima e querer levar logo para o motel de cara, pensando que é a festda uva.

    E além disso, o homem - por uma questão cultural, é que PRECISA da impressão de que foi ele quem conquistou. Caberia à mulher, selecionar por quem ela será conquistada.

    FATO ESTE, impraticável em Belém, uma vez que, há mil mulheres para cada homem e metade da população é gay.

    Deve ser por isso que sua amiga tem tomado a iniciativa. A oferta e a demanda da cidade, acirram uma concorrência desleal. Enquanto as mulheres tranquilas (e às vezes, de mais alto nível) ficam sozinhas, muitos homens de baixo nível (digo, além de feios, CHATOS E DESINTERESSANTES) andam com três mulheres atrás....

    C'est la vie.

    (super viajei... releva que tô com sono).

    ResponderExcluir

ANTES DE POSTAR, LEIA ESSA MENSAGEM!!! É SERIO!!!

TODOS os comentários passam por moderação minha antes de irem ao ar, devido a pessoas que só fazem propaganda ou que xingam utilizando palavras agressivas demais. Não deleto comentários que contenham críticas, sejam boas ou ruins, afinal, todos tem direito de expressar sua opinião.

Bom, como eu ainda uso o Blogspot, as vezes o comentário só vai de segunda. Portanto, escreva sua mensagem, selecione-a e copie. Caso não receba uma mensagem dizendo que o comentário foi postado (mas ainda estará sob moderação), só cole de novo, que de segunda vai!

Esse é o Blogspot ferrando vocês!