quinta-feira, 7 de abril de 2011

Falso luto



Tragédias no Japão: é terremoto, tsunami, radiação... O país magro do outro lado do mundo está numa situação que nem filme fizeram ainda. É tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo, que algumas pessoas têm dificuldade de conciliar, ou mesmo perceber a amplitude do terror lá. E agora, mais uma tragédia (dessa vez no Brasil): alunos assassinados a sangue frio numa escola do RJ... E o pessoal de luto... Ou seria um FALSO LUTO?

No twitter, um leitor me sugeriu escrever sobre o falso luto que as pessoas ficam quando tragédias acontecem. Sinceramente? Mais pessoas entram em falso luto do que se imagina. Sabe aquela tristeza forçada? Numa roda de conhecidos, cada um tenta aumentar a tragédia da forma que pode, com caras e bocas expressando terror. Tudo isso de forma a tentar transparecer o “como você é sensível com a situação dos outros” ou “como você se importa com tudo isso” ou até mesmo “Você é um verdadeiro altruísta!”...

O engraçado é que: começa o jornal nacional, todo mundo fica sério e se compadece com a situação miserável pelo mundo. O jornal disponibiliza uma forma de ajudar essas pessoas, doando pequenas quantias (ou alimentos, etc) por um bem maior. Ninguém se manifesta, ninguém move um dedo... Logo depois, começa Big Brother, e todo mundo gasta dinheiro ligando feito louco pra eliminar a fulana porque ela é falsa. ELA é falsa?

Tem gente que se importa por conveniência. Na hora de aparecer, todo mundo fala bonitinho e exalta o amor e compaixão como a energia que move o mundo. Na hora de colaborar, acha que twittar a hashtag #prayforjapan é garantir vaga no céu.


Mesma coisa na HORA DO PLANETA. Esse era um momento onde todo mundo se “preocuparia” com a situação do planeta e desligaria os aparelhos e luzes por uma hora, como forma de fazer o globo “respirar” aliviado. O que aconteceu? Na hora do planeta, a hashtag #horadoplaneta foi pros Trending Topics do Twitter. Ou seja: todo mundo CONTINUOU com aparelhos eletrônicos ligados fingindo se preocupar twittando uma hashtag inútil.

Então pessoal: vamos parar com as lágrimas de crocodilo, e se você realmente se importar com alguma coisa: COLABORE. Não fique parado twittando hashtags ou xingando governos no Twitter. Isso não te faz um rebelde, um solidário, um bom samaritano. Isso só te faz um babaca tentando se passar por alguém que não é.

CLIQUE ABAIXO PARA ESPALHAR A PALAVRA!

14 comentários:

  1. Depois que aconteceu a tragedia no rio, um monte de pessoas no meu msn colocaram uma flor (f) em homenagem as crianças,como se isso fosse adiantar,ou mudar algo.
    Fleury esse texto é a pura verdade que muitos evitam enxergar. Eu acho que fingir ou se lamentar por alguém que nao conhecemos, não é ser solidario. abraços.

    ResponderExcluir
  2. Hipocrisia é o que move o mundo.

    ResponderExcluir
  3. E a quantidade de comunidades de -luto- que já criaram no orkut?!! E o número de pessoas que estão nelas ... se metade estivesse fazendo algo que realmente fosse ajudar...

    ResponderExcluir
  4. Muito bom este texto!! esse falso luto ocorre direto, inclusive nos jogos de futebol, com aquel maldito '1 minuto de silêncio' antes da partida começar..... ngm dá a mínima pra quem morreu ou sofreu algo se não conhece pessoalmente. são tragédias? sim, mas ficar choramingando pelos cantos por isso não ajuda em nada!

    ResponderExcluir
  5. Eu acho que voce ve uma coisa triste,concorda que é triste e se abster de mais comentários e manifestações de sentimentos até ai tem um certo nível,problema é as pessoas que compram a dor,tipo "nossa,to muito abalada ó to tremendo com tamanha tragédia",e pior ainda é aquelas sinicas que fazem piadas de tudo mas que acham que são os Salvador Dali pra julgar quaisquer comentário de pessoas que,nao que nao estejam entendendo o perigo da situação,mas que simplesmente não querem ficar como a maioria e expressa sua opinião com humor ou não.A pessoa não deixa de ser sem coração,e garanto que pelo menos 80% das pessoas "sem coração" que eu vi serem jugadas acho que ja fizeram bem menos piada das desgraças alheias do que muita gente hipocrita que finge ser "do bem" mas que vive umas vidinhas mesquinhas cheias de mimimi e falsidade.

    ResponderExcluir
  6. Concordo. Não aguento mais as pessoas falando que estão de luto pelas crianças do rio e entrando em comunidades para dizer que se importa ou que é sensível. Quer um exemplo ? O caso de Isabela Nardoni. Era o que o povo mais falava, agora pergunte se alguém lembra da menina ?
    Ninguém merece tanta hipocrisia assim, pelo amor de Deus.

    ResponderExcluir
  7. ÉEEEEEEEESSA FOI FODAAAA!!!!! alguém tinha que dizer isso! não que eu esteja me lixando para o que acontece, mas cada um com o seu luto, PÔ! e não tem que fazer média no TW, FACE, ORKUT E MSN! BBB é o meu ovo!

    ResponderExcluir
  8. Eu concordo com o texto mais nem por isso deixamos de lamentar o acontecido.Acho ridiculo pessoas vendo o sofrimento de amigos e familiares e ainda fazer piadinhas no twitter(um amiguinho seu de blog tava querendo fazer isso).E so pra finalizar quem tem amor pelo proximo sente, so que nenhum ato vai amenizar a dor que dessas pessoas que perderam essas crianças!

    ResponderExcluir
  9. Coisas ruins acontecem o tempo todo. Sinceramente, só ajudo quem posso ver (Amigos, parentes, pessoas próximas, conhecidos). Se eu fizem a minha parte aqui do lado, já ajuda.

    Se todos fizessem sua parte ajudando o cara do lado, concorda que o mundo inteiro seria ajudado? Então né... o pior de tudo, é que o japão vai ser reconstruído (Um país de mais de 120m de habitantes!) antes do Brasil construir os estádios da copa... triste né?

    Bom, não fico de luto. Eles deram azar. Simples. Como eu já disse, não conheço os envolvidos, e igual no caso da isabela nardoni, policiais viviam falando que um monte de mil casos daquele aconteciam toda hora, mas o da isabela teve destaque da midia, aí vem aquele destaque master da mídia. E os outros casos de defenestração?

    Dane-se o luto pela mídia.

    ResponderExcluir
  10. Perfeito!!! Pior é que quando se vai contra essas pessoas que fazem parte do falso luto, somos ainda tachados de insensíveis.
    Mas que seja, prefiro ser a tal 'insensível' a ser uma hipócrita.
    Magnífico seu texto Dr. Fleury! :)

    ResponderExcluir
  11. Eu costumo testar as pessoas dizendo: "E daí?"
    Todos fazem cara feia dizendo q sou egoísta e "malacabado". Em seguida digo: "Meu pai faleceu!".
    Se solidarizam com isso e digo: "É mentira. Tá muito bem!" Todos xingam.
    Depois digo: "Viram BBB?"
    Todos falam sem parar. Eu digo q eles são egoístas e malacabados...
    Eles dizem: "E daí?"

    ¬¬

    ResponderExcluir
  12. Ok, concordo com muita coisa q disse, mas achar q é o fim do mundo só pq a hastag #horadoplaneta estava nos TTs nao cola muito, até pq qtos nao twitam de cel ou notebooks e poderiam estar fora da tomada?
    Acho q realmente, se todos q colocaram a tag #prayforjapan realmente orassem pelo Japão seria ótimo, mas nao creio q isso aconteceu, mas ao menos as pessoas tentam... tente ser otimista.

    ResponderExcluir
  13. Cara não adianta falar nem ficar indignado. Esse é o mundo em que vivemos, e ele não vai mudar. Já fiquei e ainda fico muito indignado com as coisas absurdas que acontecem todos os dias a nossa volta, e parece que ninguem se importa.

    Essa tragédia em Realengo foi um exempllo disso. Ela só serviu para alvancar a audiencia dos jornais, e quando digo isso falo de todos da tv aberta. Todas as emissoras exploraram o fato das formas mais sensacionalistas possiveis. Como eu disse antes... esse é o mundo em que vivemos e ele não vai mudar.

    ResponderExcluir

ANTES DE POSTAR, LEIA ESSA MENSAGEM!!! É SERIO!!!

TODOS os comentários passam por moderação minha antes de irem ao ar, devido a pessoas que só fazem propaganda ou que xingam utilizando palavras agressivas demais. Não deleto comentários que contenham críticas, sejam boas ou ruins, afinal, todos tem direito de expressar sua opinião.

Bom, como eu ainda uso o Blogspot, as vezes o comentário só vai de segunda. Portanto, escreva sua mensagem, selecione-a e copie. Caso não receba uma mensagem dizendo que o comentário foi postado (mas ainda estará sob moderação), só cole de novo, que de segunda vai!

Esse é o Blogspot ferrando vocês!